Prefeito de Posse reduzirá em 33% o número de secretarias municipais

Algumas  secretarias serão fundidas e nos demais casos haverá interinidade no comando da pasta até que a reforma esteja concluída. 
 
Por entender o momento de crise vários secretários colocaram seus cargos à disposição. Estão deixando o governo, após quase três anos de excelentes serviços prestados a secretária de Educação, Leila Araújo, a secretária de Saúde, Rosana Tonhá, o secretário de Administração, Armando Ayres e o secretário de Esportes, Fabrício Alves de Souza.