UEG Câmpus Posse realiza ato por paz e justiça em memória de Fábio Santos

Participaram deste ato histórico em nossa região, acadêmicos, familiares e amigos de Fábio Santos, um de nossos mais brilhantes acadêmicos. A caminhada percorreu a Avenida JK até a Praça da Liberdade onde houve uma concentração pedindo paz, justiça e principalmente que nossos representantes da suprema Casa de Leis, revisem e votem a favor da redução da maioridade penal, pois vê-se a cada dia que se passa, jovens sendo iniciados no mundo do crime porque levam consigo a certeza da impunidade.

Faixas e cartazes relembraram o caso que chocou a região nordeste de Goiás – “Meu único defeito é um coração intenso demais (Fábio Santos)”, dizia um deles, frase postada por Fábio em uma rede social poucos momentos antes de ser torturado e morto por estes indivíduos.

“Meu filho estava estudando porque o sonho dele era ser professor na Universidade, pois sabia que com seus estudos, poderia nos dar uma condição de vida melhor. Essa injustiça só Deus vai poder retribuir. Só Deus sabe a verdade. Foram 21 anos de muito orgulho. Meu filho era muito querido. Só tenho a agradecer a todos que participaram, a Universidade que tem nos apoiado, nos dado força neste momento tão difícil”, disse a mãe, amparada durante toda a manifestação, que durou quase duas horas.

Ao final da caminhada, foi plantada em frente ao Câmpus, uma muda de Ipê em homenagem ao acadêmico Fábio que ficará eternizado em nossas memórias.

Deixamos nossos agradecimentos a Prefeitura Municipal de Posse e ao professor Marcos Roberto Araújo Xavier (Secretário Municipal de Educação), que gentilmente cedeu veículo para conduzir os familiares do Fábio de Mambaí a Posse. Agradecemos também a Secretaria Municipal de Saúde, SAMU, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar pelo suporte logístico oferecido durante a caminhada.

Saiba mais

(Texto: Prof. Mário Filho | Curso de Licenciatura em Matemática)