Economia

A economia de Posse vem crescendo com passar dos anos, principalmente pela localização geográfica, fazendo divisa com o estado da Bahia. Com desbravamento do cerrado pelos pioneiros em busca de terras mais baratas e planas para produção de grãos, como soja, milho, algodão, arroz, caju, mamão e criação de gado. Posse é uma cidade próxima desta fronteira e oferecia melhor estrutura comercial e bancaria.

Hoje Posse, com o crescimento da agricultura e pecuária, conta com um comércio de bens e serviços fortes e competitivos, rigorosos e bastante desmistificados, suficientes para atender toda a demanda do produtor e pecuarista, sua população e região.

Para tanto, contam com uma grande estrutura de agências bancárias, supermercados, casas de peças, imobiliárias, casas de materiais de construção, gráficas, clinicas, farmácias, lojas de vestuários e calçados, lojas de eletrodomésticos, fabrica de moves, fabricas de palites, transportadora, moves, revendas de veículos, revenda de motos, maquinas e implementos, produtos veterinários e agrícolas e outras empresas.

Posse é considerada cidade pólo de serviços na região Nordeste de Goiás, conta com uma unidade da UEG – Universidade Estadual de Goiás, atende todos os estudantes da região e até de outros Estados, possui uma unidade da CDL (Câmera de Dirigente Lojistas), possui um BPM (Batalhão da Polícia Militar), o 24º BPM, Corpo de Bombeiros Militar, Regional da Policia Civil.

Posse é uma cidade que está preparada para receber grandes empresas, além de ser bem localizada, é uma cidade que visa receber grandes investimentos por parte da prefeitura, em pavimentação asfáltica, construção de um lago duas agencias uma Bancária e do SEBRAE.